ANUNCIE AQUÍ

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Governo do Maranhão andando na contra mão da crise

Maranhão vem driblando a crise e criando novos postos de empregos, é o que mostra o relatório de julho do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). De acordo com os dados, o Maranhão é o sétimo no ranking de todos os estados, que mais empregaram pessoas, com a criação de 1.567 novos postos de empregos formais. O Estado segue esse ritmo de crescimento por três meses seguidos.
No Nordeste, o Maranhão obteve o segundo melhor desempenho. A construção civil ganhou destaque na pesquisa por apresentar, por quatro meses seguidos, índices positivos na contratação de mão de obra. No mês de abril foram 309 postos de emprego, em maio 318, junho 867 e no mês de julho o saldo foi de 1.027 empregos.
O secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, destaca que, apesar das dificuldades econômicas do país, o governador Flávio Dino vem conseguindo elevar os índices de geração de emprego e renda, garantindo a realização de obras importantes e utilizando um conjunto de ações anticíclicas, ajudando a transformar a realidade dos maranhenses.

0 comentários:

Postar um comentário

Anuncie